REGIMENTO INTERNO

                                                                       Itaboraí-RJ, 24 de janeiro de 2016

 

A - CATEGORIA DE INTEGRANTES:

 

A.1 - FUNDADORES: são os que firmaram a ata de fundação.

 

A.2 - EFETIVOS: são os que entram após a fundação e após passarem pela categoria de PP.

 

A.3 - PP (Pretendentes à Participantes): são os convidados para um período de avaliações, após o qual, se aprovados conforme item C.1 deste Regimento, poderão ser promovidos à categoria de efetivos.

 

§1 - Antes de ser sócio efetivo, o candidato deve ser PP (Pretendente à Participante). Os PP não pertencem ao quadro social do moto clube, embora contribuam financeiramente.

 

A.4 - ASPIRANTE: são os que estão conhecendo o moto clube e ainda não foram convidados a serem PP.

 

A.5 - HONORÁRIOS: são os homenageados por atitudes em prol do moto clube ou do motociclismo, após aprovação do Conselho Deliberativo.

 

A.6 - BENEMÉRITOS: são os homenageados por terem feito doações relevantes ao moto clube, após aprovação do Conselho Deliberativo.

 

§1 - Os integrantes honorários e beneméritos somente poderão usar o brasão bordado se solicitarem o ingresso como sócios efetivos, e após aprovação do Conselho Deliberativo.

 

B - FINANÇAS:

 

B.1 - Integrantes fundadores, integrantes efetivos e os PP são contribuintes.

 

B.2 - Taxa de Admissão: os PP, quando promovidos a integrantes efetivos pagam R$ 150,00 para serem admitidos.

 

B.3 - Anuidade: todos os PP e integrantes contribuintes pagam R$ 200,00 de anuidade, à vista, com vencimento no dia 31 de dezembro de cada ano. Os pagamentos efetuados após o vencimento serão pagos com acréscimo de 50 %.

 

§1 - Os valores acima são corrigidos automaticamente, a critério do Conselho Deliberativo, sempre no dia primeiro de janeiro de cada ano.

 

§2 - O valor da taxa de admissão não substitui nem será descontado do valor da anuidade do ano em que for paga.

 

§3 - Os sócios fundadores e efetivos que não pagarem a anuidade por um ano devem entregar seus bordados à direção do moto clube e serão retirados da relação de integrantes do moto clube.

 

§4 - No caso de saída do integrante do moto clube antes do final do ano, o Conselho Diretor decidirá sobre a possibilidade de dispensá-lo do pagamento da anuidade referente ao ano da saída.

 

C - ADMISSÃO:

 

C.1 - PP (Pretendentes a Participantes): o PP somente será admitido após um período mínimo de observação como aspirante. Este período é critério exclusivo do Conselho Deliberativo do Moto Clube. Durante este período, o aspirante será avaliado pelo Conselho Deliberativo. A aprovação deverá ser por unanimidade em votação aberta, sem a presença do avaliado. Se aprovado, terá 4 (quatro) meses para efetivar sua admissão. Caso contrário deverá ser submetido a uma nova avaliação.

 

§1  – Em casos especiais, o aspirante poderá utilizar um adorno do Mamutes da Pedra Moto Clube após um ano como aspirante, desde que aprovado o seu uso por unanimidade pelo Conselho Deliberativo.

 

O PP, para ser admitido, deve apresentar:

 

C.1.1 - Colete de couro ou cordura na cor preta;

 

C.1.2 - Declaração padrão de que o bordado de sócio PP que está recebendo é do Mamutes da Pedra Moto Clube, com firma reconhecida por autenticidade em Cartório (CLIQUE AQUI);

 

C.1.3 - Foto 3 x 4 e ficha de inscrição devidamente preenchida e assinada;

 

C.1.4 - Recibo do pagamento da anuidade do ano corrente;

 

C.1.5 - Cópia da Carteira Nacional de Habilitação (Categoria A);

 

C.1.6 - Bordado com seu nome ou apelido, com fundo amarelo e bordas e letras pretas, para fixação no colete;

 

O sócio PP, depois de atendidas as condições acima, receberá:

 

C.1.7 - Um bordado curvo;

 

C.1.8 - Um broche;

 

C.1.9 - Um bordado de sócio PP de propriedade do Mamutes da Pedra Moto Clube;

 

C.2 - INTEGRANTES EFETIVOS: o integrante efetivo somente será admitido após um período mínimo de observação como PP. Este período é critério exclusivo do Conselho Deliberativo do Moto Clube. Durante este período, o PP será avaliado pelo Conselho Deliberativo. A aprovação deverá ser por unanimidade em votação aberta, sem a presença do avaliado. Se aprovado, terá 12 (doze) meses para efetivar sua admissão. Caso contrário deixará de ser PP e deverá se retirar do moto clube.

 

§1 - no caso de ex-efetivos pretenderem voltar a ser integrantes do Mamutes da Pedra Moto Clube, devem ser avaliados da mesma forma após um período mínimo de 24 (vinte e quatro) meses de observação.

 

O integrante efetivo, para ser admitido, deve apresentar:

 

C.2.1 - Declaração padrão de que o bordado de integrante efetivo que está recebendo é do Mamutes da Pedra Moto Clube, com firma reconhecida por autenticidade em Cartório (CLIQUE AQUI);

 

C.2.2 - Recibo do pagamento da taxa de admissão e da anuidade do ano corrente;

 

C.2.3 - Bordado de PP para devolução ao moto clube;

 

O integrante efetivo, depois de atendidas as condições acima, receberá:

 

C.2.4 - Um bordado de integrante efetivo de propriedade do Mamutes da Pedra Moto Clube;

 

C.2.5 - Um patch bordado de peito redondo pequeno;

 

C.2.6 - Um bordado com a inscrição Sangue de Mamute;

 

C.2.7 - Um bordado com a inscrição XIIIXVI.

 

§1 - A liberação de um bordado para a garupa do integrante efetivo somente ocorrerá se a garupa for avaliada e aprovada por unanimidade, sob critérios a serem definidos, pelo Conselho Deliberativo. Caso seja concedido, somente será entregue após a apresentação pelo integrante de um colete de couro preto para a garupa, com os bordados e broche já fixados conforme consta nos itens C.1.6 até C.1.8 e C.2.5 até C.2.7, que devem ser comprados. O integrante responsável pela garupa deve também apresentar a declaração da garupa de que o bordado que está recebendo é do Mamutes da Pedra Moto Clube (CLIQUE AQUI) e da declaração complementar do integrante efetivo responsável, ambas com firma reconhecida por autenticidade em Cartório (CLIQUE AQUI).

 

D - ADMINISTRAÇÃO DO MOTO CLUBE:

D.1 - O Conselho Deliberativo, composto por cinco membros, é soberano para tomar todas as decisões referentes às atividades do moto clube, assim como sobre seu funcionamento, regras, critérios, finanças e qualquer outro assunto referente ao Mamutes da Pedra Moto Clube.

 

D.2 - No caso de algum dos cinco membros do Conselho Deliberativo deixar vago seu posto, por motivo de morte ou de vontade própria, os remanescentes decidirão, em reunião fechada, quem será convidado a ocupar a vaga.

 

D.3 - O membro do Conselho Deliberativo que faltar a 4 (quatro) reuniões mensais sem justificativa, dentro de um período de 12 (doze) meses ou de 12 (doze) reuniões, perderá automaticamente sua vaga. Os remanescentes decidirão, em reunião fechada, quem será convidado a ocupar a vaga.

 

E - BRASÃO E COLETE:

E.1 - Existem três tipos de brasões: de Efetivo, de Garupas e de PP.

 

E.2 - O colete com o brasão do Mamutes da Pedra Moto Clube nas costas é de uso obrigatório pelos PP, garupas e efetivos sempre que estiverem em encontros ou passeios.

 

E.3 - O PP usa nas costas o brasão de PP. Na frente lado esquerdo o nome (C.1.6). Na frente lado direito o bordado curvo (C.1.7) e um broche (C.1.9). Ver padrão.

 

§ 1 - O PP está proibido de usar o patch bordado de peito redondo pequeno e o bordado com a inscrição "Sangue de Mamute".

 

§ 2 - O PP pode usar, se desejar, o bordado de peito com a inscrição XIIIXVI, que deve ser comprado.

 

E.4 - A garupa usa nas costas o brasão de garupa. Na frente lado esquerdo o nome (C.1.6), o patch bordado de peito redondo pequeno (C.2.5) e o bordado de peito com a inscrição XIIIXVI (C.2.7). Na frente lado direito o bordado curvo (C.1.7), um broche (C.1.9) e o bordado com a inscrição Sangue de Mamute C.2.6). Ver padrão.

 

E.5 - O efetivo usa nas costas o brasão de efetivo. Na frente lado esquerdo o nome (C.1.6), o patch bordado de peito redondo pequeno (C.2.5) e o bordado de peito com a inscrição XIIIXVI (C.2.7). Na frente lado direito o bordado curvo (C.1.7), um broche (C.1.9) e o bordado com a inscrição Sangue de Mamute C.2.6). Ver padrão.

 

E.6 - O material do colete deve ser couro ou Cordura, sempre na cor preta.

 

E.7 - Nas costas do colete não é permitida a colocação de nada além do bordado com o brasão padrão do Mamutes da Pedra Moto Clube.

 

E.8 - É proibido o uso de brasões tipo patch ou similares, ou qualquer outra referência ou nomes de outros moto clubes, com exceção do Moto Clube Caveiras do Asfalto, por ser o moto clube padrinho do Mamutes da Pedra Moto Clube.

 

E.9 - Podem ser usados broches de moto clubes e brasões de peito (patch) do MCVB, de associações, ong’s, federações, fábricas de motos, etc, desde que sejam colocados na frente do colete, nunca nas costas ou laterais.

 

F - DISPOSIÇÕES GERAIS:

 

F.1 - Os casos omissos neste Regimento Interno serão definidos e decididos pelo Conselho Deliberativo.

 

 

Sadam - Conselho Deliberativo